Select Page

Motivando para Excelência

 Dinâmica de Liderança:

Acredite no melhor das pessoas para obter o melhor das pessoas.

 

Quando eu ainda era uma criança, o meu pai, um empresário de sucesso, sempre me dizia para acreditar nas pessoas. Ele dizia, “Steve, se você acreditar no melhor das pessoas, então na maioria das vezes elas não irão te desapontar.” Ele viveu sua vida inteira nesta Terra com esse princípio. Eu o observei em negócios e na obra da igreja e essa frase foi colocada à prova diversas vezes. Por todo meu ministério eu tentei operar na base desse princípio.

E lembro de quando eu me formei no Seminário de Teologia e fui pastorear uma igreja em Illinois. Em junho daquele ano, eu levei a família para Glorieta, Novo México para uma conferência. Eu ligava para a igreja todos os dias para garantir que tudo estava indo bem. Um dia eu liguei e minha secretária me disse, “Pastor, nós podemos cuidar de tudo aqui. Confie em nós e não vamos te desapontar. Aproveite seu tempo com sua família.”

Eu aprendi com meu pai e com minha secretária. Eles foram sábios e perspicazes. Aquela frase se tornou uma base para o meu ministério por muitos anos depois. Acredite no melhor das pessoas para obter o melhor das pessoas.

Qualquer pessoa que já esteve na posição de liderança já teve que lidar com o problema da motivação. Fazer com que as pessoas façam o que deve ser feito é mais difícil do que parece. Motivação é um assunto que cativa todo líder de igreja. Esse assunto já fez com que muitos pastores, membros de equipe e líderes perguntassem, “Como que se faz para as pessoas cumprirem suas responsabilidades relacionadas à obra da igreja? Como que se faz para motivar um obreiro? Como que eu posso fazer com que membros da igreja visitem e entrem em contato com os ausentes e os visitantes?” Cada uma dessas perguntas lida com o problema da motivação.

Motive sem Receio

Muitos líderes são culpados de usarem termos desconhecidos com quem lideram e o assunto da motivação pode significar alguma outra coisa do que realmente é. Algumas pessoas querem manipular ao invés de motivar. Existe uma diferença? Com certeza!

Durante uma conferência que eu estava liderando, eu pedi ao grupo de participantes para definir a palavra motivação. Eles responderam:

  • Motivação é o que faz alguém
  • Motivação é empolgar as
  • Liderar as pessoas a fazerem o que elas não necessariamente querem
  • Dar às pessoas um motivo para fazer o que deve ser

Cada definição é boa. Em cada explicação existe um único tom. Motivação é liderar as pessoas. “Liderança” é a principal diferença entre motivação e manipulação. Um motivador acredita na excelência.

Na mesma conferência, foi pedido aos participantes que dessem as características de um manipulador. As respostas que deram foram:

  • Um estelionatário.
  • Uma pessoa motivada por
  • Uma pessoa que engana os outros a fazerem
  • Sua natureza é

Em essência, o que essas pessoas estão dizendo é que um manipulador vê apenas os meios para o fim. Os métodos para conquistar os resultados não importam para o manipulador. Ele vai conseguir o que quer.

Em muitas ocasiões o manipulador é uma pessoa negativa. Sendo insensível aos outros, o manipulador usa táticas de culpa para alcançar seus objetivos. Não é incomum usar as pessoas como objetos. Ele se ama mais do que os outros.

Um motivador, enquanto se preocupa com o resultado final, levará em consideração os meios para o fim. Um motivador irá alcançar os objetivos permitindo que as pessoas alcancem seus próprios objetivos – crescer e se desenvolver com ele. Esse tipo de pessoa tem respeito pelo indivíduo. Ela se importa com as pessoas. Seu desejo é ver cada pessoa se desenvolver no seu

próprio ritmo. O motivador permite que outros compartilhem suas conquistas. Sua satisfação é ver a realização dos outros.

Agora, voltando para a questão original. Como as pessoas são motivadas? É impossível motivar líderes de igreja a alcançar mais pessoas para Jesus Cristo? A participar de reuniões de desenvolvimento de líderes? A aprimorar o grupo que irá liderar no domingo de manhã?

Motivação vem de duas direções – interna e externa. A motivação interna significa que a pessoa deve ter essa habilidade para ser motivada. Existem pessoas que parecem ter um gênio forte. Elas são contra tudo. Elas se opõe à mudanças. Parece impossível motivar esse tipo de pessoa. Não é!

Vamos ver mais sobre isso na próxima semana.